Dilma discursa na ONU sobre doenças crônicas

Presidente Dilma discursa sobre políticas de saúde na ONU
Em Nova York, ela defendeu a coordenação entre políticas de saúde e sociais. Citou também que a saúde da mulher é prioridade em sua gestão.
Do G1, em Brasília
Presidente Dilma Rousseff discursa sobre saúde na ONU (Foto: Reprodução)

Presidente Dilma Rousseff discursa sobre saúde na ONU (Foto: Reprodução)

A presidente Dilma Rousseff discursou, na manhã desta segunda-feira (19), durante a reunião de Alto Nível sobre Doenças Crônicas, que é “fundamental” aliar políticas de saúde a programas de desenvolvimento social. Ela participou pela manhã de reunião sobre doenças crônicas na Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York.

Dilma destacou que é maior entre a população pobre a incidência de doenças crônicas, como diabetes, hipertensão e câncer.

“A saúde da mulher é uma prioridade do meu governo. Estamos fortemente empenhados pela redução da mortalidade infantil”, disse a presidente a uma plateia de chefes de estado.

O compromisso desta segunda foi o primeiro de uma série de encontros aos quais a presidente deve comparecer durante esta semana. Ela terá diversas reuniões bilaterais com outros chefes de Estado e, na quarta-feira (21), fará o discurso de abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas.

Anúncios

One thought on “Dilma discursa na ONU sobre doenças crônicas

  1. Boa tarde meu nome é Antonia Alencar,sou Portadora de (LES)Lúpus Sistêmico,estta com 8anos de lutar.O primeiro teste de laboratório idealizado para detectar o Lúpus foi o teste celular LE (lupus erythematosus). O Lúpus Sistêmico costuma ser mais grave que o Lúpus Discóide e, como o nome diz (sistêmico=geral), pode afetar quase todos os órgãos e sistemas. Eu ja tive lesões apenas na pele e nas juntas, em outras podem predominar as juntas, rins, pulmões, sangue,fiz cinco cirurgias nas vasculites em outras ainda, outros órgãos e tecidos podem ser afetados.gostaria que fosse discutido e incluindo o numero de pessoas portadora de LES, Que tambem é uma doenças crônicas.Assim com a nossa Presidenta destacou que é maior entre a população pobre a incidência de doenças crônicas, como diabetes, hipertensão e câncer.Vale salientar que o ´Lúpus(LES), (SAAF). Não faz distenções de pessoas se são ricas ou pobre .Apesar de muitos homens serem afetados pelo Lúpus, ele costuma ocorrer de 10 a 15 vezes mais nas mulheres adultas do que nos homens adultos.Mesmo entre as mulheres, acredita-se que aquelas de origem africana, indígena ou asiática desenvolvam desenvolvam a doença com mais freqüência em mulheres brancas.(Hoje esta com 10dias que estou hospitalizada no Hospital de Urgências e Traumas de Petrolina-PE. Ontem por obra do destino veio a Obito a minha com panheira Portadora de (LES)Lúpus,sem o acompanhamento de Reumatologista, foi um choque pra mim. Então faça um a pelo por gentileza providenci Reumatologista, responssavel pelo SUS, para dar nos mais assistencia. ficarei grata antonia e todos os portadores de LES Lúpus de Petrolina PE.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s